- última hora - PJ apreendeu bens de três milhões de euros de «rendimentos incongruentes» / Arguidos negam suspeitas

A Polícia Judiciária de Braga apreendeu bens, imóveis e móveis, de cerca de três milhões de euros, aos arguidos António Vilela e João Luís Nogueira, na operação relacionada com alegados crimes de corrupção, de abuso de poder, prevaricação e participação económica em negócio, apurou o Vilaverdense.

As autoridades judiciárias consideram, na sequência de uma perícia a todos os bens de ambos os indiciados – não foram ainda revelados quais os valores que dizem respeito, concretamente, a cada um dos arguidos – que esses bens «resultam de rendimentos incongruentes», face ao património que declaram.

O procurador Heitor Rigor Rodrigues, magistrado especialista a investigar “crimes de colarinho branco”, conseguiu o arresto de tais valores, através do Gabinete de Recuperação de Activos (GRA) da Directoria do Norte da PJ e que é constituído por inspectores da Polícia Judiciária e peritos das Finanças.

ARGUIDOS DESMENTEM SUSPEITAS
António Vilela e João Luís Nogueira negaram à juíza de instrução criminal de Braga, Magda Cerqueira, qualquer tipo de «comportamento ilícito» com as suas actividades políticas e profissionais, desmentindo as suspeições que o director-geral da Escola Profissional Amar Terra Verde (EPATV), que é também presidente do clube bracarense de andebol ABC, tivesse, de alguma maneira, «corrompido» o presidente da Câmara Municipal de Vila Verde.

---
Redacção / JG (CP 2015)
ovilaverdense@gmail.com

    Jornal o VilaVerdense
16 de Fevereiro de 2017 / 08:22

Partilhar no Facebook  Partilhar no Facebook


-CRIME: Dono de bar de alterne de Vila Verde detido no Brasil por tentativa de homicídio

-VILA VERDE: Bombeiros promovem II Encontro de Fanfarras e benzem novas viaturas

-Incêndio em zona de mato em Aboim da Nóbrega

-CLDS-3G Vila Verde apresenta “Guia Digital e da Mascote das Associações do concelho de Vila Verde”

-FREIRIZ: Lugar do Ninho já tem água pública

-Caminhada assinala 7º aniversário do Albergue de Peregrinos de Goães

-Vilaverdenses na final do maior torneio de golfe amador

-Se comprou uma placa “Eldslaga” no IKEA deve contactar a empresa

-VILA VERDE: Não há recolha de lixo nos dias 25 de Abril e 1 de Maio

-Governo reduz impostos a senhorios com contratos superiores a dez anos

-VILA DE PRADO: Jogos de Tabuleiro motivam encontro familiar na Biblioteca

-INCÊNDIOS: Bombeiros combatem chamas em Pedregais

-Alunos da EPATV organizaram Tertúlia “Cozinha, do Tradicional ao Contemporâneo”

-TRIBUNAL: Empresa contesta concurso da BRAVAL para contratação de 42 trabalhadores

-SANEAMENTO: Obra de mais de 780 mil euros em curso em Cabanelas

-LOUREIRA: Encontro de Concertinas no dia 25 de Abril

- GNR: 148 detidos em flagrante no fim-de-semana

-REGIÃO: Buscas por pescador desaparecido sábado no rio Minho retomadas

-“Semana da Saúde” até sexta-feira na ESVV

-BRAGA: Museus D. Diogo e Pio XII cedem peças para mostra em Ourense sobre reino suevo

-DESTAQUE: Tradição e muita gente no VI Festival de Folclore do Vale do Homem

-BRAGA: Concerto ‘Outro Tempo, José Afonso’ marca comemorações do 25 de Abril

-CRIME: Vilaverdense detido em Amares na posse de 95 gr de haxixe

-CABANELAS: “Sopas e Caldos” para juntar comunidade e angariar verbas

-AAUMinho arrecada bronze no basquetebol masculino

-ACTIVIDADE GNR: 46 pessoas detidas nas últimas doze horas… um morto e três feridos graves em 64 acidentes de trânsito

-BRAGA: Câmara promoveu formação em animação Stop Motion para prof’s

-FUTEBOL (Pró-Nacional): GD Prado com teste de fogo frente ao Taipas

-FUTEBOL (I Divisão): Lanhas quer surpreender o líder

-VILARINHO: Associação assinala Dia da Mãe no primeiro fim-de-semana de Maio









Jornal O Vilaverdense