ALERTA: Declaração de calamidade pública inclui a proibição da prática de caça, alertam autoridades

A declaração de calamidade pública com efeitos preventivos em vigor até segunda-feira inclui a proibição da prática de caça, cuja época abre este domingo, em alguns concelhos. Vila Verde está entre os concelhos abrangidos, tal como já havíamos referido.

A declaração de calamidade pública com efeitos preventivos em vigor até segunda-feira inclui a proibição da prática de caça, cuja época abre no domingo, em alguns concelhos, assim como pesca desportiva e outras atividades, anunciou a GNR. A declaração de calamidade pública com efeitos preventivos vigente entre as 14:00 de sexta-feira e as 24:00 de segunda-feira, em cerca de 155 concelhos do país das zonas centro e interior norte do país, aciona “todos os planos emergência de âmbito distrital e municipal dos concelhos abrangidos”, anunciou hoje o Primeiro-Ministro, António Costa.

Esta declaração proíbe o acesso, circulação e permanência no interior dos espaços florestais, previamente definidos no Plano Municipal de Defesa da Floresta Contra a Incêndios, bem como nos caminhos florestais, caminhos rurais e outras vias que os atravessam. Estão assim proibidas quaisquer atividades de caça, desportivas e outras, como piqueniques, em zonas cujo acesso seja por caminhos florestais ou rurais.

Esta proibição entrou em vigor a partir das 14:00 de hoje e prolonga-se até às 24:00 da próxima segunda-feira, nomeadamente nos concelhos dos distritos de Bragança, Castelo Branco, Guarda, Vila Real e Viseu, assim como em alguns concelhos dos distritos de Aveiro, Beja, Braga, Coimbra, Faro, Leiria, Portalegre, Porto, Santarém e Viana do Castelo.

No distrito de Aveiro a proibição abrange os concelhos: de Águeda, Arouca, Castelo de Paiva, Sever do Vouga e Vale de Cambra. Em Beja, os de Almodôvar, Mértola e Odemira, e em Braga, os de Amares, Cabeceiras de Basto, Celorico de Basto, Fafe, Póvoa de Lanhoso, Terras de Bouro, Vieira do Minho, Vila Verde e Vizela.

No distrito de Coimbra são abrangidos por esta proibição os concelhos de Arganil, Condeixa-a-Nova, Góis, Lousã, Miranda do Corvo, Oliveira do Hospital, Pampilhosa da Serra, Penacova, Penela, Tábua e Vila Nova de Poiares, enquanto no de Faro, os de Alcoutim, Aljezur, Castro Marim, Lagos, Loulé, Monchique, Portimão, S. Brás de Alportel, Silves, Tavira e Vila do Bispo.

No distrito de Leiria estão vinculados a esta proibição os concelhos de Alvaiázere, Ansião, Castanheira de Pera, Figueiró dos Vinhos, Porto Mós e Pedrógão Grande, e no de Portalegre, os de Castelo de Vide, Gavião, Marvão, Nisa e Ponte de Sor;

No distrito do Porto, os concelhos abrangidos são os de Amarante, Baião, Felgueiras, Gondomar, Lousada, Marco de Canaveses, Paredes, Penafiel, Santo Tirso, Trofa e Valongo, enquanto no de Santarém, são os concelhos de Abrantes, Alcanena, Chamusca, Constância, Ferreira do Zêzere, Mação, Ourém, Rio Maior, Sardoal, Tomar e Vila Nova da Barquinha.

No distrito de Viana do Castelo, estão abrangidos por esta medida extraordinária de precaução os concelhos de Arcos de Valdevez, Caminha, Melgaço, Monção, Paredes de Coura, Ponte da Barca, Ponte de Lima e Valença.

A GNR está a promover uma campanha de divulgação destas medidas, designadamente a proibição de caça, através de uma campanha cuja imagem é uma arma de caça pendurada num prego.

ACTIVIDADE AGRÍCOLA LIMITADA
Esta declaração de calamidade anunciada pelo Governo implica ainda a total proibição da utilização em todos os espaços rurais de máquinas de combustão interna ou externa, onde se incluem todo o tipo de tratores e máquinas agrícolas ou florestais, bem como realização de trabalhos nos espaços florestais com recurso a moto-roçadoras, corta-matos e destroçadores.

---
Redacção/ com OBS
ovilaverdense@gmail.com

    Jornal o VilaVerdense
20 de Agosto de 2017 / 23:48

Partilhar no Facebook  Partilhar no Facebook


Outras notícias

-AUTÁRQUICAS: “Outdoors” do PSD vandalizados durante a madrugada

-VILA VERDE: Academia de Música com inscrições abertas no Curso de Iniciação

-AUTÁRQUICAS: CDU quer empregos estáveis para fixar jovens em Vila Verde

-ESCARIZ: Cinco mil euros para levar saneamento ao Centro Social

-Altrics com novas instalações em Oleiros com vista à criação de 100 postos de trabalho

-Desgarradas, geleia e mais expositores marcam 26ª Festa das Colheitas de 4 a 8 de Outubro

-Campeonato Luso Galaico de Raid Slot ‘corre’ este sábado em Braga

-BRAGA: ARS Norte investe 602 mil euros em nova Unidade de Saúde

-VILA VERDE: Abertas inscrições para a “Oficina Arquimedes”

-AUTÁRQUICAS: Joaquim Faria apresentado como candidato do PS em Prado São Miguel

-Biklio chegou a Braga ‘guiada’ pela ACB para recompensar utilizadores de bicicleta

-ESCARIZ S. MARTINHO: XVI Festa das Colheitas no próximo fim-de-semana

-AUTÁRQUICAS: Vilela visita Clube Náutico de Prado, “casa de campeões” e “embaixador” do concelho

-AUTÁRQUICAS: Passos Coelho critica em Amares «opções orçamentais que pararam novas estradas»

-SOUTELO: Grupo luso-francês investe 2,5 milhões para criar hotel rural com 40 quartos

-CRIME: Fiscalização de comboios e estações ferroviárias fez dois detidos

-Braga Barroca arranca esta quarta-feira para valorizar património e reforçar identidade da cidade

-Startup Braga e InvestBraga lançam 2.ª edição da ´School of CEOs´

-AUTÁRQUICAS: Morais diz que «quanto mais forte estiver a Vila de Prado mais forte será o concelho de Vila Verde»

-AUTÁRQUICAS: António Vilela reitera necessidade de valorização e promoção dos produtos locais

-BARCELOS: Projecto Open B promove “Espaço Experiência” para os seniores

-AUTÁRQUICAS: António Vilela destaca «vitalidade» da Feira de Prado após intervenção urbanística

-MARRANCOS: Sessão de esclarecimento sobre estágios profissionais na quinta-feira

-Rancho Típico Infantil de Vila Verde comemora, hoje, 51 anos de vida

-VILA DE PRADO: Festa das Colheitas de sexta-feira a domingo

-Bracarenses já têm desconto no Trem do Corcovado no Rio de Janeiro

-INVESTIMENTO: Mais de 7,5 milhões e 70 postos de trabalho numa nova indústria e num hotel

-VADE: Carlos Cação quer construir passadiço no Rio Vade para potenciar o turismo

-AUTÁRQUICAS: Antiga vereadora do PSD apoia candidatura de José Morais

-EDUCAÇÃO: ISAVE iniciou ano lectivo com mais alunos em relação ao ano passado









Jornal O Vilaverdense