FOGOS: Incêndio florestal cerca Monte da Falperra

Um incêndio florestal que começou a meio da tarde de hoje em Guimarães já chegou até Braga e está a cercar a o Monte da Falperra, com cerca de 90 bombeiros, apoiados por 30 viaturas.
As condições de climatéricas, de calor e vento forte, bem como o terreno acidentado e a impossibilidade de utilizar meios aéreos à noite está a dificultar o trabalho das dezenas de bombeiros oriundos de todo o distrito de Braga.


O cenário é assustador nos arredores de Braga, estando a ser mobilizado um elevado número de bombeiros, tendo já ao início desta noite de domingo sido os elementos dos bombeiros reforçados por operacionais de outras corporações do distrito de Braga, que já tinham apoiado outros incêndios no concelho de Braga, casos dos Voluntários de Vila Verde, de Amares e de Terras de Bouro.

O incêndio está a progredir na direcção de Guimarães para Braga, tendo começado pelas freguesias de Leitões, Oleiros e Figueiredo (Guimarães), passando depois por Morreira, Trandeiras, Esporões, São Paio de Arcos e Nogueira, estando a lavrar intensamente na Santa Marta das Cortiças, onde estão antenas de telecomunicações.

O Posto de Comando manteve-se ao longo do dia em São Mamede de Este, no concelho de Braga, sob a orientação dos comandantes João Felgueiras e António Cerqueira, dos Sapadores e dos Voluntários, respectivamente, com a presença permanente dos diversos responsáveis directos, como o vice-presidente da Câmara Municipal de Braga, Firmino Marques, e do director concelhio da Protecção Civil, comandante Vítor Azevedo.

---
Redação/ JG (CP 2015)
ovilaverdense@gmail.com