CSVH celebrou 12 anos com “Jantar de Reis” e anunciou abertura do Felizmente Lar (Gualtar-Braga) em 2019

Deve iniciar em 2018 a obra de construção do “Felizmente Lar”, o novo equipamento social que o Centro Social Vale do Homem vai edificar em Gualtar-Braga, um investimento superior a 2,5 milhões que deve estar pronto a acolher os primeiros utentes em 2019. A revelação foi feita pelo presidente da instituição, Jorge Pereira, na última noite, durante a celebração do 12º aniversário e “Jantar de Reis”, que reuniu a direcção, funcionários e representantes dos municípios da área de implantação do organismo (Amares, Vila Verde e Terras de Bouro) e do município anfitrião, Braga, na pessoa do presidente da autarquia, Ricardo Rio.

«Os organismos locais, junta e câmara, acreditaram em nós, pois temos serviços de excelência, recursos humanos de elevada qualidade e, essencialmente, cumprimos os nossos compromissos», vincou, na ocasião, o presidente da direcção do CSVH, Jorge Pereira.

«Saúdo a coragem por apostarem em Braga», referiu, durante a sua intervenção, o presidente da câmara de Braga, Ricardo Rio, que diz ter «as melhores referências do CSVH: por onde passo, os testemunhos que recolho são de que é uma instituição de erxcelência». E deixou a garantia «de apoio» na aposta, quase exclusivamente privada, à construção do novo equipamento.

Orgulhoso e também «satisfeito» com a parceria, o autarca de Gualtar disse ser «o ano zero de uma parceria que vai ser profícua. É um projecto que vem colmatar uma lacuna na freguesia e freguesias vizinhas».

O CSVH já reúne mais de uma centena de funcionários, nas Sede (Lanhas) e em Sequeiros (Amares), muitos com o contributo do Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP). Na sua intervenção, o director regional de Braga do IEFP, Carlos Menezes, deixou claro que «esta é uma instituição muito particular, pois tem a preocupação da melhoria da auto-estima de todos. Inclusive, distingue-se dos outros porque tem por princípio devolver aos utentes a vontade de viver».

FELIZMENTE LAR
Foi em junho de 2017 que o CSVH assinou o contrato de comodato, por 25 anos, com a Junta de Freguesia de Gualtar (Braga), para a construção do “Felizmente Lar”. O projecto prevê a preservação e requalificação do edifício da antiga “Quinta da Igreja”, dando lugar a uma Estrutura Residencial para Idosos (ERPI/Lar). Este novo edifício incluirá um espaço com dez suites de luxo e, ainda, uma área especializada e focada nas necessidades de utentes com patologias neurodegenerativas (demências).

Para além de todos os serviços imprescindíveis ao bom funcionamento da instituição e qualidade de vida dos seus utentes, o Felizmente contará ainda uma área de SPA e salas de estimulação e reabilitação com tecnologia inovadora.

Esta nova estrutura do CSVH, destinada a um Lar de Idosos, tem conclusão prevista para 2019 e terá capacidade para 50 utentes, criando, ainda, 70 novos postos de trabalho revelou Jorge Pereira.

CRACEL SÓCIO-HONORÁRIO
Durante o jantar que também premiou os funcionários mais antigos e “o/a colega do ano” (Carla Malheiro e Mário), destaque para a atribuição do título de sócio-honorário da instituição ao ex-presidente da Câmara de Terras de Bouro, Joaquim Cracel Viana. «Foi uma absoluta surpresa, mas agradeço o carinho dispensado. Sempre apoiei as causas sociais e veja esta instituição como muito útil».

---
Redacção / CMS (CP 3022)
ovilaverdense@gmail.com