Carnaval mata oito pessoas nas estradas

Oito pessoas morreram nas estradas portuguesas - sete na área de responsabilidade da GNR e outra em zonas patrulhadas pela PSP- desde o início da operação Carnaval, na sexta-feira.
Os números, ainda provisórios, mostram um brutal aumento face ao ano passado. No mesmo período de 2017 não foi registada qualquer morte.


A GNR e a PSP vão manter esta terça-feira uma vigilância especial nos acessos aos locais mais procurados para festejar o Carnaval.

De acordo com a GNR, entre sexta-feira e domingo registaram-se 646 acidentes (mais 175 do que na operação Carnaval de 2017), nove feridos graves (semelhante ao ano passado) e 203 feridos ligeiros (mais 59).

Entre 1 de Janeiro e 7 de Fevereiro, 52 pessoas perderam a vida em acidentes, uma média de 1,3 mortes por dia desde o início do ano, de acordo com dados da ANSR, que ainda não contemplam as oito mortes da operação Carnaval nem as pessoas que morreram já no hospital.

---
Redacção / FG (CP 1200)
ovilaverdense@gmail.com

    Jornal o VilaVerdense
13 de Fevereiro de 2018 / 15:50

Partilhar no Facebook  Partilhar no Facebook


Outras notícias

-Tribunal de Braga adiou "sentença" sobre corrupção nas cartas de condução em Vila Verde

-ESCUTEIROS: Núcleo de Vila Verde espera juntar 500 elementos no sábado

-GNR deteve 433 pessoas em flagrante delito durante a semana

-INCÊNDIOS: Quatro queimas obrigam à acção dos Bombeiros

-BRAGA: Ricardo Rio diz que providência cautelar contra ‘Continente’ na rua 25 de Abril já não faz sentido

-ARTESANATO: Camila Silva expõe em Paris com apoio da Adere-Certifica

-BRAGA: Câmara abre consulta pública para classificação de 46 ‘Lojas com História’

-Segunda Caminhada Solidária em Atiães a 11 de Março

-POLÍTICA: Jovens vilaverdenses participaram no Congresso Nacional do PSD

-VADE: Festa do Vinho regressa nos dias 3 e 4 de Março

-Biblioteca Pública de Braga evoca António José Saraiva

-INCÊNDIOS: Câmaras decidem que tipo de floresta querem no concelho

-PSP destrói mais de 3 mil armas

-“1º Fórum nacional sobre Stalking” no dia 28 de Fevereiro na Aula Magna da Universidade Católica de Braga

-ECONOMIA: Quatro empresas sediadas em Vila Verde com o estatuto PME Excelência

-MÊS DO ROMANCE: Teciborda apresentou nova linha de “Caixas e Tabuleiros”

-LOUREIRA: Mais de 300 mil euros para aumentar cobertura de saneamento

-MÊS DO ROMANCE: Artecouro aposta em nova linha de calçado e acessórios de moda

-BRAGA: Bombeiros Voluntários recebem equipamentos de protecção este sábado

-IX Jornadas Minhotas de Dermatologia nos dias 23 e 24 de Fevereiro na UMinho

-VILA VERDE: Rotary homenageia Bento Morais esta sexta-feira

-Centro Qualifica da EPATV e Bogalha certificam colaboradoras

-VILA VERDE: Julgamento de cartas de condução tem sentença marcada para sexta-feira

-Remessas de emigrantes atingem valor mais alto de sempre

-Ryanair anuncia 8 novos destinos a partir do Porto para 2019

-BRAGA: Museu D. Diogo de Sousa ganha colecção de arqueologia «única no mundo»

-Escola de Ciências da UMinho comemora esta quarta-feira 43 anos com especialista na Antártida

-Tribunal de Vila Verde liberta irmãos suspeitos de assédio sexual

-PEB morreu, viva o Forum Braga!

-Empresa LusoRecursos, de Braga, não desiste de explorar lítio em Montalegre e ouro em Marrancos-Vila Verde









Jornal O Vilaverdense